Estava pensando nisso outro dia… Porque a gente está sempre revendo os passos que demos? Conferindo se as escolhas foram certas ou o porque de sermos assim? “Será que esse é o melhor caminho, será que estou feliz?”
São tantas as perguntas que fazemos internamente que as vezes elas parecem calar o que deveria ser obvio e simples. Mas assim devagar, dia a dia… tenho tentado sublimar o frenesi que as grandes questões causam e conseguido mais que responder… sentir, encontrar, saber.
Eu me procuro devagar, encontrando todo dia uma partezinha nova de mim.

Se faltar carinho, ninho
Se tiver insônia, sonha… (MCamelo)

Anúncios