“Eu confundo um pouco o que é arte com o porquê eu sou artista. É quase uma ferramenta, um modo de você ter acesso a alguma coisa – uma coisa que parece mais verdadeira que outro. E é você fazer com que aquilo que você tem acesso, tenha corpo, não seja só uma coisa que passa e vai embora. É lógico ter acesso a diversas coisas, fazendo, dançando, jogando futebol. Com arte você tem condições de estancar isso, de tornar aquilo uma coisa real uma coisa materializável e que também se modifica com o tempo. Quase uma vontade de materializar uma cócega existencial, uma coisa indefinida, uma ansiedade uma vontade, uma ambição, uma vontade de falar de tudo, de poder ser autor de uma coisa memorável.” Nuno Ramos

Anúncios